Motor On Line
Notícias-

F-4 Americana: Kiko Porto vice na preliminar da F-1 em Austin
Reportagem: Kako Marques
Foto: Gavin Baker
KMCom

Muita tensão e expectativa, mas o final da temporada 2019 da F4 Americana acabou dando ao brasileiro Kiko Porto (Petromega / DEForce Racing / Speed Group), o vice-campeonato da categoria, no primeiro ano no qual ele disputou todas as etapas. Mesmo com os problemas que fizeram o pernambucano abandonar a corrida 1 do fim de semana, a 5ª posição na corrida 2 foi suficiente para marcar os pontos necessários, que lhe asseguraram a segunda colocação na classificação final.

Com o australiano Joshua Car, já campeão por antecipação, a única possiblidade de Kiko era a briga pelo segundo posto na classificação de pilotos, isso numa disputa direta como americano Christian Brooks, que vinha em terceiro. Na corrida 1, o piloto brasileiro largou em 8º e conseguiu, em poucas voltas, alcançar a liderança da prova, mas acabou caindo para a segunda posição. Pena que antes da bandeirada, um toque na traseira fez o piloto do carro 12 da DEForce Racing abandonar a prova.

Na corrida 2, largando em 14º, Kiko Porto veio numa prova de recuperação fantástica e conseguiu cruzar a linha de chegada em 7º, mas com a penalização e dois pilotos à sua frente, acabou em 5º, marcando 10 pontos, que foram suficientes para conquistar o vice-campeonato.

"Aquele toque na corrida 1, quase colocou nosso ano a perder, mas na corrida 2 consegui me recuperar e marcar esse pontos que me deram o vice-campeonato. Já que não era mais possível alcançar o Joshua, eu e minha equipe queríamos muito essa posição na classificação. Agradeço a Deus, a minha família pelo apoio, a todos eu torcem por mim e a minha equipe, DEForce Racing, pelo trabalho durante todo o ano. Que 2020 seja ainda melhor. Vem novos planos por aí, que em breve posso revelar", comentou Kiko Porto, logo após o resultado da prova, em Austin.

Confira a classificação extraoficial do Campeonato de Pilotos da F4US:

1 Joshua Car – AUS 299
2 Kiko Porto – BRA 220
3 Christian Brooks (R) – EUA 209
4 Jose Blanco – PRI 158
5 Arthur Leist – BRA 154
6 Guilherme Peixoto (R) – BRA 107
7 Dylan Tavella – EUA 73
8 Teddy Wilson – GBR 69
9 Chandler Horton – EUA 44
10 Nick Hays – EUA 55
11 Ryan MacDermid – CAN 48
12 Wyatt Brichacek – EUA 46
13 Christian Bogle – EUA 54
14 Michael d'Orlando – EUA 40
15 Dante Yu (R) – EUA 24
16 Kory Enders – EUA 15
17 James Goughary – EUA 12
18 Giano Taurino (R) – EUA 12
19 Oliver Clarke – GBR 11
20 David Porcelli – EUA 10
21 Reese Gold – EUA 12
22 Liam Snyder – EUA 8
23 Josh Bethune (R) – NZL 8
24 Nolan Siegel - EUA 7
25 Hayden Bowlsbey – EUA 4
26 Jonny Wilkinson (R) – EUA 4
27 Tommy Foster – GBR 4
28 Sicheng Li – CHI 3
29 Zoey Edenholm (R) – EUA 2
30 Matt Rivard (R) – EUA 2
31 Aidan Yoder – EUA 2
32 Robert Zoroka (R) – EUA 1
33 Will Edwards – EUA 0

Notícias

Página inicial