Motor On Line
Notícias-

Rally: Ello Racing terminou a 3ª etapa Sertões na 5ª posição da T2
Reportagem: Isis Moretti
Foto: Magnus Torquato
Liberdade de Ideias
O piloto Sálvio Costa e o navegador Eduardo Alexandre da Silva cumpriram com mais um dia do Rally dos Sertões, que montou acampamento na cidade de São Miguel do Araguaia (GO).

O Rally dos Sertões 2019 concluiu o terceiro dia de disputas e adentrou o estado de Goiás, com pernoite na cidade de São Miguel do Araguaia. Com uma população de pouco mais de 23 mil pessoas, foi com muita festividade que os competidores e toda a caravana do evento foram recebidos pelos moradores nesta terça-feira, 27 de agosto.

Nomeada de Costa Piraíbas, a terceira etapa do 27º Rally dos Sertões largou do município de Barra dos Garças (MT), e teve 764,82 quilômetros, com 403,51 quilômetros de trecho cronometrado. A bordo de um Mitsubishi ASX, a dupla Sálvio Costa e Eduardo Alexandre Silva (#339), fechou o desafio no tempo de 4h18min39seg, ocupando a quinta posição na categoria T2 - Production e 23ª colocação no ranking geral.

“A terceira etapa foi bem rápida, com bastante saltos que pediram cuidado dos competidores para não comprometer o conjunto de suspensão e, principalmente, poupar o veículo para os próximos dias de rali, pois ainda teremos a etapa maratona”, ponderou o piloto Sálvio, que descreveu. “Atravessamos rios, trechos de trial, erosões, pedras, piçarras e setores de areia. Tivemos uma boa variedade de obstáculos, mas nada que nos causasse alarde. Questão mesmo de focar na estratégia, cuidar do equipamento para nos mantermos vivos na disputa. Será um degrau por dia”, completou.

O Rally dos Sertões conta com uma estrutura formada por mais de 2 mil pessoas, sendo que deste número, largaram de Campo Grande (MS) no último dia 24, 302 pilotos e navegadores em 187 veículos, sendo: 60 carros (43 na categoria cross-country e 17 na categoria regularidade), 66 motos, 55 UTVs e 6 quadriciclos. No total, serão percorridos 4.888 quilômetros até o Ceará, com chegada em Aquiraz no dia 01 de setembro.

A quarta etapa entrará no estado do Tocantins, com primeira parada em Porto Nacional – a terra de Nossa Senhora das Mercês. De acordo com a organização do certame, os off-roaders terão pela frente 570 quilômetros, com 275 quilômetros para acelerarem na busca do menor tempo. Tão embora seja uma especial mais curta, não faltarão obstáculos, entre eles: trial, piçarra, travessias de rios, passagem por serra com encostas traiçoeiras; mas tudo sempre acompanhado do mais belo visual do cerrado brasileiro.

“Estamos satisfeitos com a nossa evolução e conduta. Além de buscarmos um bom lugar no ranking final do Rally dos Sertões, temos também um compromisso social muito importante com o Projeto Chico Brasil que, tem a missão de doar brinquedos e levar alegria, música e cultura as comunidades carentes das regiões pela qual passaremos. Portanto, não fará sentido algum se ficarmos pelo meio do caminho. Precisamos finalizar todas as etapas”, salientou o piloto.

Roteiro Rally dos Sertões 2019

24 de agosto a 1º de setembro
4ª etapa – 28 de agosto
São Miguel do Araguaia (GO) a Porto Nacional (TO)
DI – 69,11 km
ESP – 275,76 km
DF – 226,98 km
Total: 570,10 km

5ª etapa – 29 de agosto
Porto Nacional (TO) a São Félix do Tocantins (TO)
DI – 141,96 km
ESP – 330,34 km
DF – 2,72 km
Total: 475,02 km

6ª etapa – 30 de agosto
São Félix do Tocantins (TO) a Bom Jesus (PI)
DI – 0km
ESP – 535,60 km
DF – 2,25 km
Total: 537,85 km

7ª etapa – 31 de agosto
Bom Jesus (PI) a Crateús (CE)
DI – 2,13 km
ESP – 324,98 km
DF – 628,98 km
Total: 955,80 km

8ª etapa – 01 de setembro
Tauá (PI) a Aquiraz (CE)
DI – 428,27 km
ESP – 18 km
DF – 5,95 km
Total: 452,22 km

Notícias

Página inicial