Motor On Line
Notícias-

F-4 Italiana: Gianluca Petecof vence pela quarta vez no ano e segue na liderança
Reportagem: Luis Ferrari
Foto: Danilo Dirani
Piloto da Academia Shell Racing abre etapa de Hungaroring em 2º, é 4º na prova 2 e mantém 100% de top5 no certame de F4 de maior grid no mundo.

O brasileiro Gianluca Petecof conquistou neste domingo, em Hungaroring (Hungria), a quarta vitória em oito corridas no Italiano de Fórmula 4 e manteve a liderança da tabela. Com top 5 em todas as provas do ano no grid mais cheio de F4 no mundo (35 pilotos), o competidor da Academia Shell Racing e da Academia da Ferrari tem 43 de vantagem sobre o mais direto oponente, Dennis Hauger.

Essa diferença ainda pode aumentar, pois existe um protesto de outra equipe contra o piloto norueguês devido a uma suposta irregularidade nos procedimentos de largada da segunda prova da rodada tripla.

Na primeira corrida, disputada no sábado, Gianluca largou na segunda colocação e a manteve durante toda a prova. Depois de duas intervenções do safety car, o brasileiro tentou atacar o líder Dennis Hauger, mas ficou mesmo em segundo.

A segunda prova, realizada já neste domingo, foi tumultuada: um acidente causou danos no guard rail, e a bandeira vermelha foi agitada. Após a relargada, com pneus mais usados do que os dos rivais, Petecof fez uma corrida estratégica e terminou em quarto.

A terceira corrida começou difícil para Gianluca, que ficou parado no grid e largou com atraso. O brasileiro passou em 22º no fim da primeira volta, mas um acidente na segunda passagem causou a bandeira vermelha e anulou a primeira largada.

Com isso, as posições originais de largada foram restabelecidas, e Petecof voltou para a primeira fila. Com o seu jogo de pneus novos guardado para a terceira corrida, Gianluca fez uma partida perfeita no reinício e tomou a ponta logo nos primeiros metros.

Petecof e Hauger dispararam na frente em relação aos adversários, e o brasileiro soube neutralizar os ataques do rival, cujo carro se mostrou superior ao longo do fim de semana. A oito minutos do fim, o safety car entrou na pista após uma colisão, e a bandeira verde foi agitada faltando quatro minutos.

O brasileiro seguiu na liderança e na última volta teve de se defender de um ataque feroz de Hauger quando começou a chover. Porém, o brasileiro conseguiu manter a ponta e chegou à quarta vitória no campeonato.

Gianluca volta à pista pelo Italiano de F4 já no próximo fim de semana, no circuito de Spielberg, na Áustria.

O que disse Gianluca Petecof:

"Foi um fim de semana cheio de emoções, com altos e baixos, mas que terminou com da melhor maneira possível. Depois de um bom quali e de um razoável, tive um pódio na corrida 1 com um segundo lugar e bons pontos. Depois, na corrida 2, largando de sexto, pude me recuperar um pouco e chegar em quarto. Na última corrida, jogamos um pouco com a estratégia de pneu e a aproveitamos ao máximo para trazer essa vitória. Na última volta começou a chover, o que dificultou ali a disputa, mas deu tudo certo, e trouxemos a vitória para casa. Na semana que vem, a próxima etapa será em Spielberg, onde já tivemos uma vitória no Alemão, e vamos procurar usar isso a nosso favor e tentar somar o maior número possível de pontos."

Classificação do campeonato:

1º G.Petecof - 155 pontos
2º D.Hauger - 112
3º J.Dürksen - 68
4º M.Belov - 65
5º I.Cohen - 55
6º P.Aron - 52
7º O.Ramsussen - 52
8º W.Alatalo - 44
9º N.Krütten - 42
10º R,Stanek - 38

Sobre a Raízen:

A Raízen, licenciada da marca Shell no Brasil, se destaca como uma das empresas de energia mais competitivas do mundo e uma das maiores em faturamento no Brasil, atuando em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia conta com cerca de 30 mil funcionários, que trabalham todos os dias para gerar soluções sustentáveis que contribuam para o desenvolvimento do país, como a produção de bioeletricidade e etanol de segunda geração a partir dos coprodutos da cana-de-açúcar. Com 26 unidades produtoras, a Raízen produz cerca de 2,0 bilhões de litros de etanol por ano, 4,2 milhões de toneladas de açúcar e tem capacidade para gerar cerca de 940 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar. A empresa também está presente em 66 bases de abastecimento em aeroportos, 67 terminais de distribuição de combustível e comercializa aproximadamente 25 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Conta com uma rede formada por mais de 6.000 postos de serviço com a marca Shell, responsáveis pela comercialização de combustíveis e mais de 950 lojas de conveniência Shell Select. Além disso, a companhia mantém a Fundação Raízen, que busca estar próxima da comunidade, oferecendo qualificação profissional, educação e cidadania. Criada há mais de 14 anos, a Fundação Raízen possui seis núcleos no interior do estado de São Paulo e um em Goiás e já beneficiou mais de 13 mil alunos e mais de 4 milhões de pessoas com ações realizadas desde 2012.

Projeto Ano 3

Formando Um Verdadeiro Campeão atráves do programa Lei de Incentivo da Secretária Especial do Esporte no processo 58000.011283/2018-32.

Notícias

Página inicial