Motor On Line
Notícias-

Rally: Victor Corrêa e Maicol Souza vencem de Estação no Brasileiro de Velocidade
Reportagem: João Alberto Otazú
Foto: Edson Castro
MasterMidia
Campeões brasileiros, dupla mineira/catarinense lidera o certame deste ano.

Atuais campeões brasileiros, o mineiro Victor Corrêa (Unifenas) e o catarinense Maicol Souza começaram da melhor forma a temporada 2019 de Rally de Velocidade. Eles venceram no Rio Grande do Sul o 19º Rally de Estação na categoria RC5 e de quebra lideram o certame nacional com uma vitória e uma segunda colocação.

“Estamos felizes com o resultado, não poderia ter sido melhor sair daqui com a liderança do campeonato. Uma vitória, uma segunda posição na rodada dupla e a sexta colocação entre todas as categorias são resultados sólidos para o campeonato que será longo”, comemorou o piloto de Alfenas, sul de Minas Gerais.

Na rodada dupla que abriu o campeonato brasileiro, passando pelas cidades de Estação, Erebango e Ipiranga do Sul, com piso seco, muito cascalho solto e poeira, em trechos de alta velocidade, a dupla mineira / catarinense obteve desempenho convincente em sua luta pelo bicampeonato. Na primeira etapa, no sábado (13/4), eles ficaram com a vitória depois de oito Especiais cronometradas com 106,25 quilômetros de trechos. No domingo (14/4), depois de mais cinco Especiais com 57,62 quilômetros cronometrados, Corrêa / Souza terminaram na segunda colocação, atrás apenas da dupla Luiz Afonso Poli / Damon Alencar (Peugeot 206).

“Foi um rali muito bem organizado e bem pesado, onde muita gente não terminou. No ano passado deixamos a vitória escapar nesta etapa, mas agora conseguimos vencer e começar o campeonato somando pontos importantes para a temporada. A equipe Unifenas / RTOne está animada e vamos tentar manter o ritmo nas próximas etapas”, conclui Victor Corrêa.

A segunda rodada dupla do Campeonato Brasileiro de Rally será nos dias 30 de maio e 1º de junho, em Erechim, novamente no Rio Grande do Sul.

Resultado final do Rally de Estação:

1) Paulo Nobre / Gabriel Morales (Skoda Fabia R5/RC2), 1h29min27;
2) Luiz Facco / Giovani Bordin (Peugeot 208 MR/RC2), 1h39min33;
3) Ricardo Oro / Luis Felipe Trentin (GM Celta/RC4), 1h40min23;
4) Sandro Suptitz / Eduardo Ortolan (VW Gol/RC4), 1h44min23,
5) Emerson Cavassin / Gilson Rocha (Peugeot 207/RC4), 1h47min50;
6) Victor Corrêa / Maicol Souza (Peugeot 206/RC5), 1h48min05.

Notícias

Página inicial