Motor On Line
Notícias-

Rally: Gregorio Caselani conquista o bicampeonato do Brasileiro Cross Country
Reportagem: Ângela Monteiro / André Carvalho
Foto: Gustavo Epifânio
Mundo Press
Piloto gaúcho completa a quinta etapa do Rally dos Sertões em segundo lugar e garante os títulos da classificação geral das motos e da classe Super Production na competição nacional.

O piloto de motocicleta Gregorio Caselani, da equipe Honda Racing, sagrou-se bicampeão brasileiro de Rally Cross Country nesta quinta-feira (23) após a realização da quinta etapa do Rally dos Sertões - disputada entre as cidades de Barra (BA) e São Raimundo Nonato (PI). O gaúcho, que também garantiu o título nacional da categoria Super Production, foi o segundo mais rápido do dia, mantendo a vice-liderança em sua classe e o terceiro posto na classificação geral do Sertões. Os resultados são extraoficiais e ainda apontam o mineiro Tunico Maciel, da Honda Racing, na liderança da prova mais difícil do calendário off-road brasileiro.

Os títulos de Caselani, que acelera uma Honda CRF 450RX, fazem com que a equipe vermelha finalize a competição nacional com 100% de rendimento. Os pilotos Tunico Maciel e Júlio “Bissinho” Zavatti já haviam conquistado, por antecipação, nesta quarta (22), os títulos brasileiros nas categorias Production Aberta e Rally Brasil, respectivamente. Enquanto Maciel está em primeiro lugar do Rally dos Sertões em busca dos títulos inéditos das motos e da classe Production Aberta, Bissinho é o ponteiro da Rally Brasil e da classe especial Brasil - 230cc.

A etapa disputada nesta quinta-feira, considerada uma das mais técnicas desta edição da prova, teve percurso total de 446 km, sendo 401 km de especiais (trechos cronometrados). Os pilotos, que cumpriram as disputas do dia em formato maratona, ou seja, sem auxílio mecânico externo, encararam mais de 200 km de areia - a maior parte de areia bastante fofa, além de trechos com piçarra, cascalho e muitas pedras.

“As cinco primeiras etapas do Sertões valeram como as finais do Campeonato Brasileiro, então o meu foco nesta quinta etapa foi garantir os títulos nacionais da temporada. Deu tudo certo. A CRF 450RX se mostrou uma moto muito confiável, saiu ilesa após as duas pernas da etapa maratona, que foram muito duras. Estou muito feliz em voltar a usar o número um na motocicleta no ano que vem”, afirmou Gregorio Caselani, campeão em 2016 e vice-campeão na temporada passada.

“O Brasileiro é um campeonato muito difícil, com provas duras. É muito completo, com provas em todos os tipos de terreno, em diferentes climas. E garantir o título na última etapa, em uma especial de mais de cinco horas, pesada do jeito que foi, dá um gostinho especial, mais saboroso”, completou o piloto gaúcho.

Líder geral do Sertões após cinco etapas, Tunico Maciel ostenta uma vantagem de 28min19seg sobre o catarinense Ricardo Martins, o segundo colocado. Após garantir o título brasileiro de Rally Cross Country na categoria Production Aberta e superar aquela que, segundo ele, foi uma das etapas mais duras que já encarou, Maciel está pronto para fazer história no Rally dos Sertões.

“Hoje foi um dia muito difícil, em que andamos sobre muita areia. Areia pesada, fofa, que desgasta muito o equipamento. Consegui chegar em São Raimundo Nonato bem, estou bastante satisfeito”, disse o piloto da Honda Racing. Ele também acelera a Honda CRF 450RX. “A vantagem que eu tenho ainda está grande, então eu quero continuar fazendo meu serviço bem feito para, se tudo der certo, chegar em Fortaleza com esse título”, completou.

Sobre o título brasileiro na classe Production Aberta, conquistado com uma etapa de antecipação, o piloto mineiro afirmou: “Venho me dedicando muito, então acho que estou vivendo um sonho. Ser campeão brasileiro e ainda estar liderando o Rally dos Sertões, que poucas pessoas já venceram, é uma situação que me deixa bastante feliz. Tudo isso representa muito para mim”.

Júlio “Bissinho” Zavatti, em seu primeiro ano como piloto oficial da equipe Honda Racing, já garantiu o título brasileiro da categoria Rally Brasil de forma invicta e agora está perto de conquistar mais dois troféus. “A gente vem trabalhando desde o começo do ano para isso acontecer e até agora deu tudo certo. É o meu primeiro título no time da Honda, logo no primeiro ano, isso é muito bom. Agora, vou em busca de mais dois aqui no Rally dos Sertões”, afirmou o líder da categoria Rally Brasil e da classe especial Brasil - CRF230cc. Com a moto Honda CRF 230F, ele é o décimo colocado na classificação geral.

“Os títulos estão bem encaminhados, consegui uma boa diferença para o segundo colocado, agora a tendência é administrar nesses dois últimos dias”, ensinou o piloto paulista, que tem vantagem de 51min27seg para o vice-líder Álvaro Amarante nas categorias destinadas a pilotos que competem com motocicletas de fabricação nacional.

A sexta etapa do Rally dos Sertões será realizada nesta sexta-feira (dia 24), com destino a Juazeiro do Norte (CE). Serão percorridos 602 km, sendo 226 km de trechos cronometrados. A prova, que ainda inclui quadriciclos, UTVs e carros, possui, no total, sete dias de disputas, com 3.601 km de percurso (2.059 de especiais). Os campeões serão conhecidos no dia 25 de agosto, em Fortaleza (CE).

A equipe Honda Racing de Rally conta com o patrocínio da Honda, Michelin, Mobil, D.I.D correntes.

Rally dos Sertões - 5ª etapa (resultados extraoficiais)

Classificação geral - Motocicletas
1 - Ricardo Martins - 5:22:45
2 - Gregorio Caselani - 5:26:18 - Honda CRF 450RX
3 - Tunico Maciel - 5:27:50 - Honda CRF 450RX
4 - Túlio Malta - 5:32:10
5 - Mário Marchiori - 5:39:07
16 - Júlio “Bissinho” Zavatti - 6:06:14

Categoria Super Production
1 - Ricardo Martins - 5:22:45
2 - Gregorio Caselani - 5:26:18 - Honda CRF 450RX
3 - Tiago Fantozzi - 5:45:19
4 - Moara Sacilotti - 6:53:29
5 - Wagner Jovenal - 7:02:43

Categoria Production Aberta
1 - Tunico Maciel - 5:27:50 - Honda CRF 450RX
2 - Mário Marchiori - 5:39:07
3 - Vítor Closs - 5:39:07
4 - Luciano Gomes - 5:43:10
5 - Rafael Milan - 5:46:08

Categoria Rally Brasil
1 - Júlio “Bissinho” Zavatti - 6:06:14 - Honda CRF 230F
2 - Álvaro Amarante - 6:21:47
3 - Cristiano Teixeira - 6:23:41
4 - Sandro Conci - 6:26:05
5 - Janaína Souza - 6:34:33

Categoria especial Brasil - CRF 230cc
1 - Júlio “Bissinho” Zavatti - 6:06:14 - Honda CRF 230F
2 - Álvaro Amarante - 6:21:47
3 - Cristiano Teixeira - 6:23:41
4 - Sandro Conci - 6:26:05
5 - Janaína Souza - 6:34:33

Classificação acumulada após cinco etapas (extraoficial)

Classificação geral - Motocicletas
1 - Tunico Maciel - 21:08:11 - Honda CRF 450RX
2 - Ricardo Martins - 21:36:30
3 - Gregorio Caselani -21:59:02 - Honda CRF 450RX
4 - Túlio Malta - 22:10:54
5 - Mário Marchiori - 22:40:54

Categoria Super Production
1 - Ricardo Martins - 21:36:30
2 - Gregorio Caselani -21:59:02 - Honda CRF 450RX
3 - Wagner Jovenal - 27:44:28
4 - Moara Sacilotti - 27:54:05
5 - Tiago Fantozzi - 30:42:01

Categoria Production Aberta
1 - Tunico Maciel - 21:08:11 - Honda CRF 450RX
2 - Mário Marchiori - 22:40:54
3 - Elias Folly - 22:44:31
4 - Luciano Gomes - 22:44:39
5 - Vítor Closs - 23:22:16

Categoria Rally Brasil
1 - Júlio “Bissinho” Zavatti - 23:35:14 - Honda CRF 230F
2 - Álvaro Amarante - 24:26:42
3 - Cristiano Teixeira - 25:16:07
4 - Sandro Conci - 26:31:42
5 - Janaína Souza - 26:59:33

Categoria especial Brasil - CRF 230cc
1 - Júlio “Bissinho” Zavatti - 23:35:14 - Honda CRF 230F
2 - Álvaro Amarante - 24:26:42
3 - Cristiano Teixeira - 25:16:07
4 - Sandro Conci - 26:31:42
5 - Janaína Souza - 26:59:33

Roteiro do Rally dos Sertões 2018:

6ª Etapa - Sexta-feira (24/8)
São Raimundo Nonato (PI) - Juazeiro do Norte (CE)
Deslocamento Inicial - 39 km
Trecho Especial (Cronometrado) - 226 km
Deslocamento Final - 337 km
Total do dia: 602 km

7ª Etapa - Sábado (25/8)
Juazeiro do Norte (CE) - Fortaleza (CE)
Deslocamento Inicial - 168 km
Trecho Especial (Cronometrado) - 200 km
Deslocamento Final - 288 km
Total do dia: 656 km

TOTAL DA PROVA: 3.601 km
TOTAL DE ESPECIAIS: 2.059 km

Notícias

Página inicial