Motor On Line
Notícias-

Vítima de sanduíche Raphael Reis abandona 2ª corrida da Stock Light em Goiânia
Reportagem: Luis Ferrari
Foto: Fabio Davini
Vencedor da primeira prova da rodada dupla, piloto da Academia Shell Racing continua na briga direta pelo título da temporada 2018.

Depois da espetacular vitória na prova de sábado pela Stock Light em Goiânia, Raphael Reis partiu esperançoso para a corrida 2 do fim de semana, mas o desfecho não foi o esperado, e o brasiliense teve de abandonar após ser envolvido num acidente.

Apesar de não ter marcado pontos, o piloto da Academia Shell Racing segue na briga direta pelo título da temporada 2018. Reis é o terceiro na classificação geral, com 104 pontos, e está a apenas 17 da liderança.

Largando de décimo pela regra do grid invertido em relação à prova de sábado, Raphael Reis manteve a posição no começo, e, após duas entradas do carro de segurança, ele subiu para oitavo, com um bom ritmo.

No entanto, na nona volta, Reis acabou sendo atingido numa disputa com dois concorrentes e não conseguiu prosseguir na prova. De fato, a segunda corrida em Goiânia foi uma das mais tumultuadas da temporada, tanto que houve mais duas entradas do carro de segurança.

A próxima rodada dupla da Stock Light será disputada daqui a duas semanas, em Campo Grande.

O que disse Raphael Reis:

"Viemos de forma mais conservadora, já que ganhamos ontem. Hoje era dia para pontuar para tirar a diferença do líder, mas fizeram um sanduíche de mim"

Classificação do campeonato:

1º E.Bortoleto - 121 pontos
2º P.Rimbano - 119
3º R.Reis - 104
4º G.Robe - 93
5º J.Rosate - 83

Sobre a Raízen:

A Raízen, licenciada da marca Shell no Brasil, se destaca como uma das empresas de energia mais competitivas do mundo e uma das maiores em faturamento no Brasil, atuando em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia conta com cerca de 30 mil funcionários, que trabalham todos os dias para gerar soluções sustentáveis que contribuam para o desenvolvimento do país, como a produção de bioeletricidade e etanol de segunda geração a partir dos coprodutos da cana-de-açúcar. Com 26 unidades produtoras, a Raízen produz cerca de 2,0 bilhões de litros de etanol por ano, 4,2 milhões de toneladas de açúcar e tem capacidade para gerar cerca de 940 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar. A empresa também está presente em 66 bases de abastecimento em aeroportos, 67 terminais de distribuição de combustível e comercializa aproximadamente 25 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Conta com uma rede formada por mais de 6.000 postos de serviço com a marca Shell, responsáveis pela comercialização de combustíveis e mais de 950 lojas de conveniência Shell Select. Além disso, a companhia mantém a Fundação Raízen, que busca estar próxima da comunidade, oferecendo qualificação profissional, educação e cidadania. Criada há mais de 14 anos, a Fundação Raízen possui seis núcleos no interior do estado de São Paulo e um em Goiás e já beneficiou mais de 13 mil alunos e mais de 4 milhões de pessoas com ações realizadas desde 2012.

Notícias

Página inicial