Motor On Line
Notícias-

F-4 Alemã: Petecof volta a marcar pontos na segunda prova em Hockenheim
Reportagem: Luis Ferrari
Foto: Divulgação
Com sétimo lugar no geral, piloto da Academia Shell Racing assume uma posição entre os dez primeiros na classificação do campeonato.

O brasileiro Gianluca Petecof terminou a segunda corrida da rodada dupla de Hockenheim da Fórmula 4 Alemã em sétimo colocado no geral e terceiro entre os estreantes. Com este resultado, ele subiu para o top 10 do campeonato.

O fim de semana havia começado difícil para Petecof, com duas classificações confusas no sábado, debaixo de chuva. Na primeira, o brasileiro ficou apenas em 17º lugar no grid, enquanto na segunda terminou em décimo.

Na primeira corrida, Gianluca largou bem, fez excelente prova de recuperação e, com manobras seguras de ultrapassagem, foi o piloto que mais ganhou posições para terminar em sexto, e em segundo lugar entre os rookies da temporada.

Neste domingo, o piloto da Academia Shell Racing manteve o décimo lugar após a largada, ganhou três posições na quarta volta com um abandono e um choque entre dois concorrentes, e se estabeleceu em sétimo, onde permaneceu até a bandeirada.

Agora, restam duas rodadas duplas do Alemão de F4, a próxima nos dias 4 e 5 de agosto, em Nürburgring. Pelo Campeonato Italiano, Gianluca volta a acelerar já no próximo fim de semana, em Imola.

O que disse Gianluca Petecof:

"A segunda corrida foi um pouco mais apertada em relação à de sábado, mas mesmo assim deu para recuperar algumas posições largando de décimo. Agora mudamos de novo o foco e o pensamento total é em Imola, no Campeonato Italiano"

Sobre a Raízen:

A Raízen, licenciada da marca Shell no Brasil, se destaca como uma das empresas de energia mais competitivas do mundo e uma das maiores em faturamento no Brasil, atuando em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia conta com cerca de 30 mil funcionários, que trabalham todos os dias para gerar soluções sustentáveis que contribuam para o desenvolvimento do país, como a produção de bioeletricidade e etanol de segunda geração a partir dos coprodutos da cana-de-açúcar. Com 26 unidades produtoras, a Raízen produz cerca de 2,0 bilhões de litros de etanol por ano, 4,2 milhões de toneladas de açúcar e tem capacidade para gerar cerca de 940 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar. A empresa também está presente em 66 bases de abastecimento em aeroportos, 67 terminais de distribuição de combustível e comercializa aproximadamente 25 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Conta com uma rede formada por mais de 6.000 postos de serviço com a marca Shell, responsáveis pela comercialização de combustíveis e mais de 950 lojas de conveniência Shell Select. Além disso, a companhia mantém a Fundação Raízen, que busca estar próxima da comunidade, oferecendo qualificação profissional, educação e cidadania. Criada há mais de 14 anos, a Fundação Raízen possui seis núcleos no interior do estado de São Paulo e um em Goiás e já beneficiou mais de 13 mil alunos e mais de 4 milhões de pessoas com ações realizadas desde 2012.

Notícias

Página inicial