Motor On Line
Notícias-

Allan Aquino estreia na Cascavel de Ouro em dupla com Guinho Biberg
Reportagem: Grelak Comunicação
Foto: Vanderley Soares
Líder em sua temporada de estreia, piloto do Paraguai confirma parceria com cascavelense para disputa pela premiação de R$ 150 mil.

Líder invicto dos campeonatos Paranaense e Metropolitano de Marcas & Pilotos na classe B em sua temporada de estreia, Allan Aquino confirmou para a 32ª edição, no dia 18 de novembro, sua primeira participação na Cascavel de Ouro. Representante do Paraguai, ele formará dupla com o paranaense Ingmar Biberg. Eles vão disputar os R$ 150 mil em prêmios inscritos com o Ford Ka número 62 da RMP Motorsport no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel.

Aquino tomou envolvimento direto com o automobilismo de competição em 2018, influenciado pela atuação em eventos de Track Day. “Eu nunca tinha participado de corridas. No ano passado fui à Cascavel de Ouro para assistir e foi a partir dali que tomei gosto pela coisa, por isso comprei o carro e comecei a treinar”, conta o piloto, que defenderá a liderança do Campeonato Paranaense na etapa de 24 de junho no Autódromo Internacional de Curitiba.

O representante paraguaio destaca o entrosamento com a equipe RMP, que tem Rodrigo Portes como preparador e que também estará na Cascavel de Ouro com a dupla Anderson Portes / Juliano Bastos. “Não há dinheiro que possa pagar pelas amizades que conquistei em tão pouco tempo no automobilismo. Estar numa das maiores corridas do Brasil com amigos já é uma grande vitória, e creio de verdade que vamos fazer uma corrida muito boa”, diz Aquino.

Biberg teve vários parceiros em seu histórico na prova. Fez dupla com Marco Romanini em 2014, integrou o trio com Edo Diesel e Thiago Camilo em 2015, foi ao pódio de 2016 em sétimo ao lado de Ângelo Giombelli e Felipe Carvalho e atuou em dupla com Júnior Caús em 2017. “Meu melhor resultado em Cascavel de Ouro foi o sexto lugar de 2003 com o César Chimin. Em 2004 eu corri com o Marlon Bastos, e em 2005 com o Luiz Fernando Pielak”, lembra.

Prestes a disputar a Cascavel de Ouro pela oitava vez, Biberg destaca a fase positiva do parceiro. “O Allan se adaptou ao Marcas com muita facilidade”, aponta o piloto de Cascavel, que admite a necessidade adaptação ao Ford Ka. “O carro é muito rápido, mas os carros injetados da Ford ainda são novidade para mim. Devo fazer pelo menos uma etapa do Campeonato Metropolitano ou do Paranaense com o Allan para conhecer melhor esse carro”, comenta.

Inscrições

Pilotos e equipes podem solicitar a ficha de inscrição na 32ª Cascavel de Ouro por e-mail, com mensagem para cascaveldeouro2018@gmail.com, ou pelo número celular (45) 9 9937-1052. A disputa é aberta a pilotos inscritos carros da categoria Marcas & Pilotos 1.6, configurados pelo regulamento técnico do Campeonato Paranaense. A corrida terá duração de três horas e será transmitida ao vivo para todo o Brasil pelo canal BandSports.

O regulamento desportivo da Cascavel de Ouro estipula em R$ 5 mil a taxa de inscrição por carro, independentemente de serem dois ou três pilotos. Para inscrições efetuadas até 31 de julho há um desconto de 10%, trazendo a taxa a R$ 4,5 mil. Os vencedores da corrida receberão R$ 100 mil. Há prêmios de R$ 20 mil ao segundo lugar, de R$ 12 mil para o terceiro, de R$ 8 mil para o quarto e de R$ 5 mil para o quinto, além de R$ 5 mil pela pole position.

Notícias

Página inicial