Motor On Line
Notícias-

Kart: Antonella Bassani fica em terceiro na 5ª etapa da Copa Rotax
Reportagem: Mariana Viegas
Foto: Jackson de Souza
Eversports
Dificuldades para chegar em São Paulo e pouco tempo de treino não abalaram a pilota, que subiu ao pódio e somou pontos importantes para a classificação geral do campeonato.

Considerada uma das revelações da nova geração do kart brasileiro, Antonella Bassani é a única menina a disputar regularmente a Copa Rotax, pela categoria Mini Max. Pela 5ª etapa da competição, no último sábado (2), a catarinense teve que passar por diversas adversidades para poder subir no pódio mais uma vez e conquistar o 3º lugar geral da Mini Max e segundo na divisão entre os novatos (Rookies).

Mesmo com todos os problemas espalhados pelas estradas do Brasil, Antonella saiu de Concórdia, no interior de Santa Catarina, rumo à São Paulo assim que foi confirmada a etapa pela organização, mas teve pouco tempo para treinar na pista do Kartódromo da Granja Viana e não conseguiu o resultado esperado na tomada de tempos. Porém, largando em quinto, a catarinense foi constante e agressiva nas duas corridas, conquistando um 4º e um 3º lugar, respectivamente, e somando os pontos necessários para deixá-la em 3º no pódio geral da categoria Mini Max.

Em provas muito acirradas, a pilota de 12 anos teve como principal rival o paraguaio Alejandro Samaniego, que vem travando disputas muito emocionantes com a catarinense desde o ano passado, entre os outros competidores da categoria também.

Além da etapa valer na soma de pontos para a classificação geral da Copa Rotax, as corridas também serviram como Open do Sul-Americano de Rotax, que será disputado neste mesmo traçado, na pista da Granja Viana, entre os dias 25 e 30 de junho, neste que será o próximo compromisso de Antonella junto com a equipe MFS Racing.

Antonella Bassani tem o apoio de Prefeitura de Concórdia, Passarela Supermercados, Poletti Seguros, Rocfer, Bassani Pesados e Life Academia.

Antonella Bassani:

“Foi uma etapa difícil em vários sentidos, foi complicado viajar para São Paulo, chegamos em cima da hora e assim pude treinar pouco neste traçado. A tomada de tempos não saiu com o esperado, mas seguimos batalhando forte nas corridas, que foram muito disputadas. No geral, o 3º lugar no pódio foi positivo, pois somamos pontos importantes para a classificação da Copa Rotax e também conseguimos nos preparar para o Sul-Americano, que acontece no fim do mês”.

Notícias

Página inicial