Motor On Line
Notícias-

Kart: CRG melhor aproveitamento entre fábricas chassis na Copa Brasil
Reportagem: Erno Drehmer
Foto: Bruno Gorski
KGCom
Kartódromo Beto Carrero, em Santa Catarina, recebeu a segunda mais importante competição do kartismo brasileiro na última semana.

Com quatro títulos conquistados e um aproveitamento muito acima das concorrentes, a fabricante italiana de chassis CRG foi um dos principais destaques do setor na 21ª Copa Brasil de Kart, disputada na última semana em Santa Catarina, no Kartódromo Beto Carrero. A competição, a segunda em importância no kartismo brasileiro, teve 290 inscrições divididas em 18 categorias.

Onze competidores disputaram a Copa Brasil com os chassis fabricados pela CRG na Itália, com quatro deles conquistando o título e sete subindo no pódio de suas categorias. Desta forma, com quatro campeões e 11 chassis em pista, a fábrica teve um aproveitamento de 36%.

“Fomos muito bem nesta Copa Brasil, nossos números são impressionantes quando levamos em consideração que podemos competir em apenas sete categorias”, analisa Eduardo Dieter, que comanda as operações da CRG no Brasil. “Mesmo assim, com 11 chassis, conquistamos mais da metade dos títulos que disputamos e subimos no pódio em quase todas as categorias em que participamos”, completa.

A principal conquista da CRG nesta Copa Brasil se deu na categoria OK Internacional, com a dobradinha dos pilotos Olin Galli e Bruno Bertoncello nas duas primeiras posições. Bertoncello, aliás, levou a CRG a outro título, agora na categoria Graduados, com uma vitória na primeira classificatória e outra na Final. A segunda classificatória da Graduados teve vitória de outro piloto com CRG, Olin Galli, que marcou também a pole position na categoria.

Invicto, com vitória nas duas classificatórias e na Final – além de ter sido o autor da pole position –, o catarinense Leonardo Nienkotter levou a CRG à conquista do título da categoria Sênior A.

E Gabriel Gomez, com uma vitória conquistada na última volta da Final, também foi campeão com um chassi CRG na categoria Codasur Júnior, o único da marca no grid, um aproveitamento de 100%. O próprio Gabriel Gomez levou a fabricante italiana a outro pódio, com o segundo lugar na categoria Júnior.

Por fim, Pedro Piquet, filho de Nelson Piquet e piloto da Fórmula 3 FIA, disputou a Copa Brasil com um chassi CRG na categoria KZ Graduados e terminou no pódio, com a 5ª posição.

Notícias

Página inicial