Motor On Line
Notícias-

Kaesemodel vence em Interlagos / Constantino vice na PICC 4.0
Reportagem: Luis Ferrari
Foto: Luca Bassani
Cl Baptista festeja triunfo de Adalberto na GT3 Cup 4.0 e Bruno na Carrera Cup 3.8; Horta e Totaro ganham na GT3 Cup 3.8; Ziemkiewicz vence 1 na GT3 Cup 4.0; e Baptista lidera na Carrera Cup 3.8.

Mais uma vez a pista de Interlagos testemunhou um show dos carros de corrida mais produzidos no planeta, no marco do septuagésimo aniversário da Porsche. Em jornada que amanheceu com o dia encoberto e terminou com sol, a segunda metade do campeonato de Sprint da Porsche Império Cup começou em altíssimo nível e muita emoção.

Teve vitória de pai e filho, piloto vencendo pela primeira vez na vida, competidores reagindo e espantando azar, disputas acirradíssimas, além de vitórias e posições no pódio sendo definidas nas últimas voltas.

A quatro corridas do fim da temporada, também começam a despontar os principais candidatos a cada um dos quatro títulos em jogo no certame de provas de 25 minutos mais uma volta.

Na Carrera Cup 4.0 o campeonato embolou de vez. Lico Kaesemodel venceu a primeira corrida saindo da pole, foi segundo na segunda, deixou Interlagos como maior pontuador da etapa e está empatado em pontos com Miguel Paludo agora no terceiro lugar. O vice-líder é Constantino Jr, vencedor da prova 2 também partindo da posição de honra. Os três reduziram a margem de Werner Neugebauer, que mantém a primeira posição nos pontos. Com dois pódios em terceiro lugar, Pedro Queirolo desencantou e passou Marçal Müller na classificação -o gaúcho, campeão da classe Challenge em 2017, havia terminado a etapa passada em primeiro lugar nos pontos e perdeu o topo da tabela na véspera da jornada de Interlagos, em virtude de decisão obtida por Werner no STJD.

Em suma: a quatro corridas do fim da temporada, nada menos que sete competidores nutrem chances consideráveis de sair da preliminar do GP Brasil de F1 em Interlagos com o primeiro campeonato da Carrera Cup 4.0.

Já na Carrera Cup 3.8, o campeonato ruma para um duelo entre o vencedor do Junior Program Vitor Baptista e o piloto Shell Gaetano di Mauro. Os dois lutaram pela vitória na primeira corrida até a volta final, com Vitor levando a melhor. A segunda prova do dia viu a primeira vitória do jovem Bruno Baptista na categoria. À frente de um combativo Eloi Khouri impulsionado por sua melhor performance no ano com o carro #21, o piloto Hero recebeu a quadriculada em primeiro lugar pouco mais de uma hora depois de seu pai vencer pela primeira vez no ano.

Adalberto Baptista vinha batendo na trave ao longo do ano. A velocidade do carro #10 estava sempre presente, mas por um ou outro fator o piloto não tinha conseguido “encaixar” um resultado digno de sua performance com o novo carro da geração 991/2. Ganhou com autoridade a primeira corrida da GT3 e esteve perto de vencer também a segunda.

Mas Rouman Ziemkiewicz também queria muito o topo do pódio. O competidor do carro #80, duas vezes vencedor do Momento Shell V-Power pela melhor manobra da etapa, conseguiu ultrapassar Adalberto a meia volta da bandeirada. Foi sua primeira vitória na GT3 Cup 4.0.

Sylvio de Barros sustentou a ponta na tabela, mas Adalberto, o maior pontuador do dia, abreviou a distância para o concorrente do carro #5.

Pela GT3 Cup 3.8 Paulo Totaro venceu a primeira, muito pressionado por Chico Horta, que havia largado da pole. Na prova final Horta deu o troco. Os dois estão separados por apenas 15 pontos na classificação, com o piloto do carro #45 à frente do concorrente.

Agora o campeonato de Sprint entra em recesso até setembro. A próxima etapa da Porsche Império Cup, marcada para o último fim de semana de julho em Interlagos, será a abertura do campeonato das provas de longa duração, a Endurance Series.

As corridas

Carrera Cup 4.0

Na primeira corrida, a largada teve um contato entre Marçal Muller e Ricardo Baptista, com Lico Kaesemodel sustentando a primeira posição. Depois que a bandeira verde foi agitada, Lico continuou recebendo a pressão de seus perseguidores mas sustentou a primeira posição.

Nas voltas finais, Pedro Queirolo partiu com tudo para cima de Lico em busca da liderança. No entanto, o paranaense conseguiu manter a ponta e cruzou a linha de chegada com apenas 0s151 de vantagem sobre Miguel Paludo, que ultrapassou Queirolo para ficar em segundo.

A segunda bateria, que teve por sorteio o grid invertido entre os quatro primeiros da prova 1, também teve emoções desde o começo. Segundo na largada, Queirolo quase decolou na zebra da segunda perna do "S" do Senna e perdeu duas posições.

Kaesemodel aproveitou para superar tanto Queirolo como Paludo para se estabelecer em segundo, atrás de Constantino Jr. Por toda a prova, Lico tentou a ultrapassagem, mas Constantino neutralizou muito bem todas as investidas do concorrente para vencer a prova.

Quinto colocado nas duas provas, Werner Neugebeuer manteve a liderança do campeonato, com 122 pontos, e passou a ser perseguido de perto por Constantino (117), Paludo (112) e Kaesemodel (112). Com os descartes dos dois piores resultados no ano, Lico, maior pontuador em Interlagos, seria o primeiro na tabela.

Carrera Cup 3.8

Na primeira bateria, Vitor Baptista ultrapassou Gaetano di Mauro na largada para assumir a liderança, pouco antes de o safety car ser acionado por causa de um contato entre Marçal Müller, Ricardo Baptista e JP Mauro, da Carrera 4.0.

A relargada ocorreu a dez minutos do fim, e Gaetano partiu para cima de Vitor, mas não teve sucesso e as duas posições ficaram inalteradas, com ambos separados por apenas 0s354.

A segunda corrida foi dominada desde o começo por Bruno Baptista, que cruzou a linha de chegada com 4s5 de frente para seu mais direto perseguidor, Eloi Khouri, que ultrapassou Gaetano di Mauro e Vitor Baptista para terminar na segunda colocação.

No campeonato, Vitor Baptista é o líder com 142 pontos, contra 125 de Gaetano di Mauro, e ambos já estão distantes do terceiro colocado Marcus Vario, que soma 107.

GT3 Cup 4.0

A primeira corrida do sábado na GT3 Cup 4.0 teve a liderança de Tom Valle, seguido por Rodolfo Toni. Quem teve atuação destacada foi Adalberto Baptista, que ganhou posições e ainda viu o contato entre Valle e Toni. No fim, Baptista comemorou a vitória no mesmo dia do filho Bruno.

Já a segunda prova teve um ganhador inédito: Rouman Ziemkiewicz largou na pole position após a inversão do grid entre os cinco primeiros da prova anterior, e dominou a prova. No entanto, após um erro, ele foi superado por Adalberto Baptista, mas ainda deu o troco na última volta, em fim espetacular.

GT3 Cup 3.8

Na primeira prova da Cup 3.8, Chico Horta largou bem da pole position, mas acabou ultrapassado por Paulo Totaro. Os dois disputaram a liderança até os últimos metros e Totaro venceu por incríveis 0s009 numa chegada fantástica.

Mas Chico Horta foi à forra na segunda bateria e levou a melhor sobre Paulo Totaro após escalar o pelotão, terminando à frente de Marco Billi e Patrick Choate.

O que eles disseram:

"Conseguimos nosso objetivo de pontuar bem aqui. Houve um acidente no começo, e me falaram pelo rádio que a pista estava com bastante sujeira, como estava em primeiro, virei a referencia para os demais pilotos. E foi muito difícil, pois não sabia o ponto certo de frear. Por isso, na curva 1, o pessoal chegava em mim então, no miolo, eu tentava abrir. No fim, o Queirolo quis colocar no Mergulho, mas consegui me defender. Graças a Deus consegui sair bem, tracionar bem na Junção e conseguimos começar o sábado com o pe direito. Na segunda corrida, a largada foi meio conturbada, mas consegui sair do acidente. Eu sabia que o Constantino estava com o pneu zero, sabia que passar ele seria arriscado. Acho que está bom para o campeonato, maior pontuador da etapa de novo"

Lico Kaesemodel

"O Lico estava muito competitivo neste fim de semana, como todos os pilotos. Como são pilotos limpos, dá para a gente jogar de uma forma legal, um pega sem maldade. Lico está de parabéns, ele estava tão rápido quanto eu, às vezes ele aproveitava o meu erro e às vezes, eu aproveitava os erros dele. Isso só mostra o alto nível da competição, estou muito feliz"

Constantino Jr

"A primeira prova foi bem estratégica. Eu percebi que se eu passasse o Queirolo, o que não é fácil, eu não teria tempo para chegar no Lico. Então, procurei esperar pois sabia que ele ia tentar passar o Lico, deu certo e acabei chegando em segundo lugar. Na segunda prova, largamos em segundo e tinha um ritmo de prova excelente, mas acabaram meus pneus. Acho que o resultado das duas etapas não mostra o rendimento que tínhamos, mas o campeonato é assim mesmo, conseguimos pontuar e estou feliz por isso."

Miguel Paludo

"Acho que com os descartes o Lico deu uma disparada. Foi o que deu para fazer no fim de semana, mas o importante é somar pontos para o campeonato. Vamos para a próxima corrida para tentar recuperar essa liderança com o descarte"

Werner Neugebauer

"Está cada vez mais difícil manter a liderança do campeonato, o pessoal está bem rápido e mostrando serviço. Vamos tentar manter a pontuação e buscar as vitórias, a inversão do grid pra segunda corrida complica bastante, vamos o que vai rolar nas próximas corridas"

Vitor Baptista

"Na primeira corrida fui bem cauteloso por causa do acidente, tínhamos boas condições de vencer essa prova. Na segunda corrida, tive um bom começo. Mas o rendimento do carro começou a cair muito. Depois, em uma disputa com o Eloi, acabei pegando um pouco de grama e passando reto mas, consegui salvar o quarto lugar e bons pontos para o campeonato"

Gaetano di Mauro

"Estou feliz demais de poder andar entre eles. A preocupação é me divertir, além do resultado. E desde o começo do ano não conseguia me divertir como hoje. Cada vez que encontrava um carro na minha frente ficava feliz, era isso que eu queria. Quero agradecer a todos da Porsche, a todos da equipe que me deram um carro campeão para hoje."

Eloi Khouri

"Meu pai venceu a primeira e eu venci a segunda. Vamos comemorar em família. A vitória estava batendo na trave desde o começo do ano, tivemos muito azar no começo do ano. Estou muito feliz com a minha primeira vitória na Porsche, tenho certeza que é a primeira de muitas"

Bruno Baptista

"É uma experiência inigualável, vencer no mesmo dia do meu filho. A gente vinha com uma má sorte, mas hoje deu tudo certo, graças a Deus. Espero que seja uma mudança e que de agora em diante a gente tenha outros bons resultados"

Adalberto Baptista

"Estou sem palavras para descrever. É uma sensação maravilhosa conseguir ganhar pela primeira vez na Carrera 4.0, ainda mais na última volta, na entrada do miolo. Eu sugiro a todos os apaixonados por corridas participarem disso"

Rouman Ziemkiewicz

"Pelo amor de Deus, tem que andar demais, os caras estão andando muito aqui. A primeira prova nós ganhamos, então foi mais legal. Na corrida dois, estava em segundo e vi que o Billi estava mais rápido, então abri para ele passar, mas, acabei sendo tocado por ele e cai lá para tras. Mas tudo bem, sei que ele não foi mal-intencionado"

Paulo Totaro

"Acho que o Eddy dá uns 100 cavalos a mais no motor, está me dando sorte. O fim de semana foi bem legal, fiz a pole, um primeiro e um segundo lugar. O Billi, que estava vindo atrás passou no óleo e rodou, eu consegui segurar. Acho que o Eddy está me ajudando"

Chico Horta

Resultados*:

Corrida 1

Carrera Cup 4.0
1.Lico Kaesemodel 27:19.121
2.Miguel Paludo +0.151
3.Pedro Queirolo +0.415
4.Constantino Jr. +3.071
5.Werner Neugebauer +3.528
6.Luca Seripieri +13.074
7.Rodrigo Mello +17.027
Não completaram
Marçal Müller
Ricardo Baptista
JP Mauro

Carrera Cup 3.8
1.Vitor Baptista 27:45.060
2.Gaetano di Mauro +0.354
3.Murilo Coletta +7.226
4.Bruno Baptista +7.308
5.Enzo Elias +7.704
6.Eloi Khouri(S) +9.420
7.Marcel Coletta +9.542
8.Fernando Fortes(S) +9.657
9.Pedrinho Aguiar +17.464
10.Matheus Coletta +3 voltas
11.Marcus Vario +7 voltas

GT3 Cup 4.0
1.Adalberto Baptista, 17 voltas em 27:58.762
2.Sylvio de Barros +1.752
3.Tom Filho +8.884
4.Maurizio Billi +12.389
5.Rouman Ziemkiewicz +23.566
6.Tom Valle +27.109
7.Ramon Alcaraz +49.120
8.Márcio Mauro +53.573
9.Bruno Garfinkel +1:04.356
10.Dominique Teysseyre +1:33.578
11.Guilherme Reischl, - 1 volta
12.Rodolfo Toni -16 voltas

GT3 Cup 3.8
1.Paulo Totaro 29:15.104
2.Chico Horta +0.090
3.Marco Billi +22.118
4.Patrick Choate +22.626
5.André Gaidzinski - 1 volta

Corrida 2

Carrera Cup 4.0
1.Constantino Jr. 27:45.303
2.Lico Kaesemodel +0.244
3.Pedro Queirolo +3.402
4.Miguel Paludo +3.578
5.Werner Neugebauer +8.768
6.Marçal Müller +13.096
7.Rodrigo Mello +18.303
8.Luca Seripieri +19.229
9.JP Mauro +34.546

Carrera Cup 3.8
1.Bruno Baptista 28:28.162
2.Eloi Khouri(S) +4.510
3.Vitor Baptista +7.487
4.Gaetano di Mauro +10.278
5.Enzo Elias +10.580
6.Fernando Fortes(S) +21.654
7.Murilo Coletta +23.987
8.Pedrinho Aguiar +24.180
9.Marcus Vario +30.223
10.Marcel Coletta +43.748
11.Matheus Coletta -5 voltas

GT3 Cup 4.0
1.Rouman Ziemkiewicz, 27:19.905
2.Adalberto Baptista +0.606
3.Sylvio de Barros +2.555
4.Rodolfo Toni +5.012
5.Tom Filho +15.524
6.Márcio Mauro +17.599
7.Dominique Teysseyre +18.291
8.Bruno Garfinkel +36.794
9.Ramon Alcaraz +1:04.119
10.Guilherme Reischl -5 voltas
11.Maurizio Billi -10 voltas
12.Tom Valle -10 voltas

GT3 Cup 3.8
1.Chico Horta, 27:53.152
2.Marco Billi, +7.529
3.Patrick Choate, +11.153
4.Paulo Totaro, +15.354
5.André Gaidzinski, -11 voltas

*Resultados sujeitos a verificações dos comissários

Campeonatos:

Carrera Cup 4.0
1.Werner Neugebauer, 122 pontos
2.Constantino Jr., 117
3.Miguel Paludo, 112
Lico Kaesemodel, 112
1.Pedro Queirolo, 100
2.Marçal Müller, 97
3.Ricardo Baptista, 72
4.JP Mauro, 65
5.Daniel Schneider, 31
6.Luca Seripieri, 27
7.Rodrigo Mello, 18
8.Eduardo Azevedo, 0

Carrera Cup 3.8
1.Vitor Baptista, 142 pontos
2.Gaetano di Mauro, 125
3.Fernando Fortes, 102
4.Marcus Vario, 101
5.Bruno Baptista, 98
Marcel Coletta, 84 1.Murilo Coletta, 84
2.Enzo Elias, 70
3.Pedro Aguiar, 67
4.Eloi Khouri, 62
5.Matheus Coletta, 39
6.Rodrigo Mello, 27
7.Kreis Jr., 24
8.Tom Filho, 12
9.William Starostik, 7

GT3 Cup 4.0
1.Sylvio de Barros, 147 pontos
2.Adalberto Baptista, 121
3.Maurizio Billi, 92
4.Rouman Ziemkiewicz, 75
5.Tom Valle, 68
6.Guilherme Reischl, 66
7.Tom Filho, 64
8.Márcio Mauro, 63
9.Carlos Ambrósio, 59
10.Dominique Teysseyre, 57
11.Rodolfo Toni, 55
12.Luca Seripieri, 32
13.Ramon Alcaraz, 22
14.Bruno Garfinkel, 16

GT3 Cup 3.8
1.Paulo Totaro, 144 pontos
2.Francisco Horta, 129
3.Patrick Choate, 126
4.Marco Billi, 118
5.André Gaidzinski, 81
6.Nelson Monteiro, 78
7.Sang Ho Kim, 55
8.Alexandre Auler, 54
9.Alan Turres, 44
10.Anderson Faita, 17
11.Ramon Alcaraz, 5

Notícias

Página inicial